CANAL DE SÃO LOURENÇO E PROMESSAS JAMAIS CUMPRIDAS – SAPERJ
terça-feira , setembro 22 2020

CANAL DE SÃO LOURENÇO E PROMESSAS JAMAIS CUMPRIDAS

Sem título

Estudo antecede o processo de revitalização do canal, permitindo a passagem para o porto. A história da limpeza do Canal de São Lourenço é feita de promessas jamais cumpridas

A Prefeitura de Niterói lança em abril o edital de licitação para a elaboração do Estudo de Impacto Ambiental (EIA) e Relatório de Impacto Ambiental (Rima) para a dragagem do canal de São Lourenço, de extrema importância para impulsionar a indústria naval da cidade. A Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Indústria Naval de Niterói publicou em Diário Oficial o termo de cooperação técnico-financeira, em parceria com a Emusa, com o objetivo de criar ferramentas para a realização do processo licitatório.

  O estudo antecede o processo de revitalização do canal, permitindo a passagem para o porto de embarcações com maior calado. Só após o estudo poderá ser liberada a licença prévia do Inea (Instituto Estadual do Ambiente), que analisará a viabilidade ambiental do projeto.

Sem título1Rota de embarcações – O Porto de Niterói está a pouco mais de 100 quilômetros da rota dos navios e embarcações que irão atuar diretamente na prospecção do pré-sal, sendo estratégico para a logística nesta área. Hoje, a profundidade de 7,5 metros do canal faz com que o Porto de Niterói deixe de receber encomendas tanto de reparos quanto de construção de embarcações. Com a obra, será possível a passagem de embarcações com calado de até 11 metros, atendendo os navios de grande porte que atuam na exploração do pré-sal, que deverão estar operando plenamente em dois anos.

Um outro ponto é que, paralelamente, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Indústria Naval já está chamando parceiros internacionais para conhecerem o parque naval da cidade para que futuros investimentos possam ser feitos no município na área de offshore. “

Para ajudar no estudo, a prefeitura investirá cerca de R$ 700 mil. O secretário lembra que o pedido para a obtenção da licença ambiental foi feito pelo Instituto Nacional de Pesquisas Hidroviárias (INPH) ao Inea e que a prefeitura está acelerando o processo já que se trata de uma ação federal.

Sem título3

Leia sobre edital

Em 2013

Em 2013 ainda

Em 2015:

Vídeo de 2012: Blitz no canal de São Lourenço

 

 

Veja também

UMA PRAIA, UMA GAROTA, UM TUBARÃO

A praia é deslumbrante: uma baía pequena e isolada, com ondas de um azul-turquesa cristalino ...

ATUM VEGETAL E AFINS

A gigante de alimentos Nestlé está lançando uma nova alternativa de atum vegetal na Suíça, ...

FIGHT CRAB

Personagens com garras longas podem sim ter uma vantagem em combates contra personagens que se ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *