domingo , dezembro 17 2017

LANCES ESTRANHOS

Peixes estão se tornando transgêneros por causa dos químicos de pílulas contraceptivas. Havaí quer proibir protetores solares para proteger seu litoral. Tempestades solares podem causar morte em massa de baleias. É preciso ler para entender.

Um em cada cinco peixes machos se tornou transgênero por causa dos químicos de pílulas contraceptivas que chegam à natureza saindo das descargas das residências, de acordo com um novo estudo.

Os peixes machos de rios estão demonstrando traços femininos, e estão inclusive produzindo ovos, de acordo com uma pesquisa realizada pela Universidade de Exeter, na Inglaterra.

Alguns peixes machos tiveram a qualidade de seu esperma diminuída, e estão menos agressivos e competitivos, diminuindo as chances de uma reprodução bem-sucedida. De acordo com o estudo, as mudanças nos peixes foram causadas por substâncias químicas encontradas em pílulas contraceptivas, produtos de limpeza, plástico e cosméticos.

Enquanto isso, o Havaí pode ser o primeiro Estado norte-americano a proibir o uso de protetores solares que usam dois tipos de produtos químicos que são eficazes ao filtrarem os raios ultravioletas, mas que podem fazer muito mal aos recifes de corais. O senador Will Espero apresentou um projeto de lei, ao legislativo estadual do Havaí, que pode banir o uso de protetores solares que contêm oxibenzona ou octinoxato, exceto em casos de prescrição médica. O argumento é de que a proibição visa proteger o turismo local, que depende muito dos recifes de corais.  A Europa também já propôs a proibição do uso da oxibenzona em cosméticos, mas a lei ainda não está vigente.

Segundo um estudo, a oxibenzona tem efeitos nocivos mesmo quando altamente diluída. Como está presente em grande parte dos protetores solares, o produto químico é encontrado em altas concentrações nos oceanos. No Havaí, a proporção varia de 800 partes por trilhão a 1,4 parte por milhão. Isso é mais de 12 vezes a concentração necessária para causar danos em corais.

O que causa o encalhe em massa de baleias e golfinhos? Esse é talvez um dos maiores mistérios da biologia marinha que os cientistas há anos tentam solucionar. Vários fatores podem estar envolvidos — doenças, ferimentos, o uso de sonares poderosos por embarcações militares e de pesca industrial e até mesmo a influência gravitacional da Lua são alguns deles. Agora, cientistas da agência espacial americana, Nasa, estudam mais uma razão possível: o efeito de tempestades solares.

Eles desconfiam que as tempestades solares severas, que afetam os campos magnéticos da Terra, são capazes de confundir as bússolas internas das baleias e outros cetáceos e fazê-los perder o rumo.

Para agravar o quadro, tempestades solares também podem estar associadas a mudanças planetárias de grande escala que incluem terremotos, erupções vulcânicas, furacões e tornados violentos. Diante de tudo isso, é possível que as anomalias magnéticas causadas pelas tempestades solares afete também o comportamento dos animais.

 

Peixes transgêneros

 

Havaí quer proibir protetores solares

 

Tempestades solares

 

Check Also

UMA PRAIA, UMA GAROTA, UM TUBARÃO

A praia é deslumbrante: uma baía pequena e isolada, com ondas de um azul-turquesa cristalino ...

Anuncie na Revista da Pesca Brasileira

Anuncie na Revista da Pesca Brasileira A revista Pesca & Mar é centenária. Não é ...

PEIXE, BOI, ETC.

A produção brasileira de carne bovina manteve a trajetória de crescimento em 2016, enquanto a ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *