DESASTRES NAS ÁGUAS

A região amazônica convive com problema histórico de naufrágios. Levantamento da Folha encontrou 18 casos que tiveram número significativo de mortos e desaparecidos desde 1981. Ao todo, pelo menos 1.078 pessoas morreram nessas circunstâncias. Foi em 1981 que aconteceu um dos maiores acidentes do tipo na área. Em janeiro, o barco “Novo Amapá” se chocou contra um banco de areia no rio Cajari, no Amapá. Com capacidade para 150 passageiros, a embarcação levava 696, e 430 morreram.

O naufrágio de uma lancha em Salvador parece ter uma tragédia anunciada.

 

 

 

Veja mais:

No Xingu

No Xingu 2

Na Bahia

Na Bahia 2

 

Veja também

UMA PRAIA, UMA GAROTA, UM TUBARÃO

A praia é deslumbrante: uma baía pequena e isolada, com ondas de um azul-turquesa cristalino ...

PEIXE MORTÍFERO

PEIXE MORTÍFERO Uma cidade do Japão transmitiu um alerta de emergência depois que porções potencialmente ...

UM MAR DE EVENTOS EM 2018

UM MAR DE EVENTOS EM 2018 Quem trabalha na produção, processamento ou comercialização de pescado ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *