Home » Destaques » GESTÃO PESQUEIRA SUSTENTÁVEL E A ADOÇÃO DE COTAS DE CAPTURA

GESTÃO PESQUEIRA SUSTENTÁVEL E A ADOÇÃO DE COTAS DE CAPTURA

Foi realizado no último dia 11 de outubro em Itajaí-SC o Seminário Pesqueiro Internacional “Gestão Pesqueira Sustentável e a Adoção de Cotas de Captura”, promovido entre o Conepe e a Innovation Norway.

O evento contou com a participação de mais de 100 pessoas, dentre as quais o Embaixador da Noruega Nils Gunneng, o Secretário de Aquicultura e Pesca Dayvson Souza, o Coordenador de Uso Sustentável de Recursos Pesqueiros do MMA Henrique Anatole, representantes dos Governos Federal, Estadual e Municipal, das indústrias de pesca, armadores de pesca e pesquisadores.

Foram proferidas palestras sobre o histórico da Gestão Pesqueira na Noruega pelo Diretor de Pesca e Aquicultura do Ministério do Comércio, Indústria e Pesca da Noruega Dr. Johan H. Williams, e pelos pesquisadores noruegueses Dra. Nina Mikkelsen e Dr. Ola Flaaten da Universidade do Ártico da Noruega. Ainda foram abordados o sistema de governança da gestão pesqueira internacional pelo Dr. Fabio Hazin da UFRPE, e experiências internacionais na gestão pesqueira por cotas de captura, na América Latina pelo Sr. Ernesto Godelman do CeDePesca, e nos EUA pelo MSc. Martin Dias da Oceana Brasil.

Após as apresentações, houve sessões de discussão nas quais os participantes puderam tirar dúvidas com os palestrantes e tecer comentários sobre os temas. Ficou evidenciada a necessidade de aprimoramento da gestão pesqueira brasileira e o entendimento do Setor Pesqueiro de que a exploração dos recursos pesqueiros só é possível sob critérios científicos, respeitando a biologia das espécies.

 

Assista como foi o evento

Presidente e Diretor do CONEPE falam sobre a portaria 445/2014

 

Além disso, Verifique

PEIXE, BOI, ETC.

A produção brasileira de carne bovina manteve a trajetória de crescimento em 2016, enquanto a ...

DE VOLTA AO NORMAL

Maior empresa enlatadora de pescados da América Latina retoma produção em Itajaí.  Empregados da área ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*