PESCADO ONTEM, HOJE, AMANHÃ E SEMPRE

Se no calendário a 16ª edição da Semana do Pescado chegou ao fim, pois estava agendada para o período de 1º a 15 de setembro, a campanha, de fato, prossegue. E isso se dá com a realização do balanço das atividades, a preparação para a semana do próximo ano e também com a adoção de ações que pretendem tornar constante as ações que incentivam o consumo da proteína. E você sabe o que é “shoppercracia”?

.

………..

Camarão / Crédito: Ceagesp/Divulgação

………..

Caranguejada / Crédito: Ceagesp/Divulgação

,,,,,,,,,…..

Mariscada / Crédito: Ceagesp/Divulgação

,,,,,,,,,,,,

Paella Marinera todos os dias / Foto Zeka Videira

………..

Na FIESP, Fátima Merlin, especialista em varejo, marketing e comportamento do consumidor, discursou sobre a “shoppercracia”, onde o consumidor e shopper está no centro das decisões. “Ou você entende o cliente e consumidor, ou você fica para trás. Ele está mais racional, mais curioso, mais exigente, mais seletivo e ávido por experiências” / Foto: Seafood Brasil

;;;;;;;;;;

Se no calendário a 16ª edição da Semana do Pescado chegou ao fim, pois estava agendada para o período de 1º a 15 de setembro, a campanha, de fato, prossegue. E isso se dá com a realização do balanço das atividades, a preparação para a semana do próximo ano e também com a adoção de ações que pretendem tornar constante as ações que incentivam o consumo da proteína. 

Por isso, nesse momento, ganha importância a avaliação dos resultados da Semana do Pescado, assim como a análise dos resultados da pesquisa de consumo de pescado, além dos debates propostos pelo seminário “Semana do Pescado: o perfil, os comportamentos de compra e as tecnologias em uso pelo consumidor moderno de alimentos”, marcado para a próxima segunda-feira, na sede da Fiesp, em São Paulo.

“É uma fase de levantamento de estatísticas sobre a campanha de 2019 e elaboração da estratégia de 2020”, explica Ricardo Torres, gerente executivo da Semana do Pescado. 

De acordo com ele, a 2ª Pesquisa Nacional de Consumo de Pescado, realizada durante a campanha, também trará reflexões importantes sobre as preferências da população e os caminhos para o setor. “Vamos debater agora o que pode ser feito para aumentar o consumo em todo o país”, destaca Torres.

A ideia é ampliar o envolvimento e a articulação entre entidades-chave do setor, que já contribuem para a semana, com o varejo e o food service para ampliar a comercialização de itens do pescado não só na próxima edição da campanha, mas durante todo o ano, aproveitando datas comemorativas e marcantes do calendário. 

“A campanha de 2020 vai exigir uma articulação maior das entidades diretamente ligadas ao setor. E também uma articulação dessas entidades com as entidades do varejo e do food service, como a Abras, a Abrasel e a ANR. O objetivo é uma articulação efetiva e que gere resultados para o consumo não só durante a semana, mas também durante a preparação”, acrescenta Torres.

Para isso, a aquisição de conhecimento sobre o consumo do pescado se torna fator fundamental. Assim, é na capacitação de todos as partes envolvidas na comercialização da proteína que deve estar o foco das lideranças do setor nos próximos dias, para mostrar que “toda semana é Semana do Pescado“.

“Isso envolve capacitação dos produtores, pescadores, fornecedores de pescado, peixeiros, garçons e chefs dos restaurantes de pescado para que durante a Semana do Pescado todos estejam familiarizados com informações do setor, espécies e produtos disponíveis para que assim o público seja bem informado”, conclui o gerente executivo da Semana do Pescado. 

Consumidor 4.0 – A 16ª Semana do Pescado chegou ao fim oficialmente no último dia 15, mas as ações da campanha continuam movimentando o setor. De acordo com a Seafood Brasil, no dia 23 de setembro,  representantes do varejo se reuniram na sede da Fiesp, em São Paulo, para discutir o perfil, os comportamentos de compra e as tecnologias em uso pelo consumidor moderno de alimentos.

Sobre “O que quer este novo consumidor”, Fátima Merlin, especialista em varejo, marketing e comportamento do consumidor falou no encontro. Conforme ela, a tecnologia trouxe um patamar de mudanças enquanto fornecedor, varejo, indústria, comércio no geral. “O acesso à internet faz repensar formas de comunicação, relacionamento, marketing e mídia, ou seja, mudar formas de compras e vendas”, sublinhou.

Merlin discursou sobre a “shoppercracia”, onde o consumidor e shopper está no centro das decisões. “Ou você entende o cliente e consumidor, ou você fica para trás. Ele está mais racional, mais curioso, mais exigente, mais seletivo e ávido por experiências”.

Em estudo realizado com 4 mil consumidores, a especialista revelou alguns atributos relevantes. Um deles é que 75% dos shoppers valorizam experiências diversificadas. Segundo ela, o desafio maior é na jornada antes do consumidor decidir ir às compras, o que fica ainda mais flagrante no pescado. “O primeiro é a jornada de compras que acontece a partir dos tabloides, não encontramos um explicando os diferentes tipos de peixe, como preparar, como incentivar o consumo. O foco ainda é em preço” exemplificou. Para o pescado, Merlin explica que o caminho é contar histórias sobre qualidades, benefícios, origem, momentos de uso, dicas de receitas e harmonizações. 

Já a segunda etapa consiste em ações para encontrar o que o consumidor deseja, e é importante facilitar e atrair a atenção para determinado pescado. “Encontrar facilmente o produto e até aquilo que ele não sabia”, disse. As dicas são: estar atento ao melhor lugar para ofertar, o layout com uma iluminação correta, decoração, ambientação e o mix adequado entre os produtos.

O último passo contempla ações para inspirar a compra do pescado, acesso às informações relevantes, combinações, dicas e receitas músicas locais e cheio. “Criar vínculos emocionais com o shopper.Têm redes na Alemanha em que você tem o som do mar e cheiro do peixe fresco”.

 

Semana do Pescado faz balanço para novas ações
https://www.semanadopescado.com.br/semana-do-pescado-faz-balanco-e-prepara-novas-acoes

 

Festival do Pescado e Frutos do Mar Ceagesp
https://passeiosbaratosemsp.com.br/festival-do-pescado-e-frutos-do-mar-ceagesp-comeca-nesta-quarta-feira-4-de-setembro/

 

Festival do Pescado e Frutos do Mar Ceagesp – Setembro a Dezembro
https://festivaisceagesp.com.br/festival-do-pescado-e-frutos-do-mar-ceagesp/

 

Consumidor 4.0: a era do shopper sempre conectado
http://www.seafoodbrasil.com.br/consumidor-40-a-era-do-shopper-sempre-conectado

Veja também

UMA PRAIA, UMA GAROTA, UM TUBARÃO

A praia é deslumbrante: uma baía pequena e isolada, com ondas de um azul-turquesa cristalino ...

O PEIXE DENTRO DE NÓS

Somos todos Filhos de Gaia, da Mãe Terra, o verme, o peixe, o tigre, o ...

FÁBIO HAZIN E O MONITORAMENTO DE TUBARÕES

“Já aconteceu de marcarmos tubarões em Fernando de Noronha e sua marca ser recuperada na ...