FOGO NO GELO

Nasa revela que Antártida não está diminuindo e sim ganhando mais gelo. Degelo antártico pode elevar em três metros o nível do mar, alerta estudo. Congresso americano investiga manipulação de dados para “provar” o aquecimento global. Você escolhe em qual notícia acreditar.

gelo

Um novo estudo da NASA surpreendeu ao anunciar que na Antártida esta havendo um aumento na acumulação de neve, que começou há 10.000 anos e está atualmente adicionando gelo suficiente ao continente de maneira a compensar as maiores perdas de suas geleiras. A pesquisa desafia as conclusões de outros estudos, incluindo o Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas (IPCC 2013), que dizia que o continente estava sendo prejudicado devido ao aquecimento global. De acordo com a nova análise de dados de um satélite, a camada de gelo da Antártida mostrou um ganho líquido de 112 bilhões de toneladas de gelo por ano entre 1992 e 2001. Este ganho diminuiu para 82 bilhões de toneladas entre 2003 e 2008.

Uma área chave da Antártica ocidental já poderia estar suficientemente instável para desaparecer e provocar um aumento de três metros no nível dos oceanos, advertiram cientistas. O estudo, publicado na revista científica “Proceedings of the National Academy of Sciences” (“PNAS”) sucede uma pesquisa feita no ano passado, comandada pelo glaciologista da Nasa Eric Rignot, que advertia que o gelo antártico tinha chegado a um ponto de retração irreversível, que o degelo era incontrolável e podia elevar o nível do mar em 1,2 metro.

O Comitê de Ciência e Tecnologia do Congresso dos Estados Unidos abriu um painel para investigar se pesquisadores da agência oficial encarregada dos estudos sobre o clima manipularam dados para chegar à conclusão de que a temperatura da atmosfera continua subindo, contrariando outras pesquisas recentes nas quais foi identificada uma estabilização no chamado aquecimento global.

Leia mais: Yahoo, G1 e Veja 

Veja também

AQUECIMENTO GLOBAL

Estudo mostra que aquecimento das águas reduz população de peixes. Cientistas advertem que aquecimento global ...

ALÉM DA PONTA DO ICEBERG

Iceberg 300 mil vezes maior que o do Titanic dá ‘piruetas’ a 45 km da ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *